Álbum de retratos

15803

Fruto da sensibilidade e da vivência de António Monteiro da Fonseca, pode também considerar-se um "livro de memórias" ou de "confissões" já que aborda situações que lhe foram caras ao longo da vida.

"Este livro é como que um desabafo espiritual, muito mais isso, do que vaidade, sonho de glória, ou manifesta presunção a revelar-se. O seu autor, de oitenta anos quase, conversa consigo próprio".

Continuar...
 
A voz dos mundos

15819

Escrito num período de grande convulsão social, a Segunda Grande Guerra, é fruto de impressões reais, colhidas no momento próprio, e o reflexo da tragédia que descreve em forma de poesia.
Foi impresso na data em que a guerra terminou, 1945, no momento em que a paz era anunciada ao mundo.

Continuar...
 
Jean Jacques Rousseau

15808

Editado cerca de 50 anos depois de ter sido elaborado, este livro resulta da tese de licenciatura, em Filologia Românica, apresentada na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, em julho de 1924, por António Monteiro da Fonseca.

Continuar...
 
Sobre o sebastianismo

15810

Devemos ainda hoje esperar pelo Senhor Rei Dom Sebastião?
Este é um estudo de António Monteiro da Fonseca sobre um curioso e inédito documento de 1714 sobre o sebastianismo e que começa com a pergunta acima referida.
A partir do documento, o autor foi o responsável pelo seu estudo e divulgação "sob pena de omitir o que às letras e à história pode de certo modo interessar."

Continuar...
 
Frutos da última colheita

15816

Uma coletânea de poemas, fruto de impressões colhidas e sentimentalizadas, a juntar a mais tantos outros livros de temas vários, que em datas anteriores e da mesma autoria, se hão já publicados, como satisfação espiritual, bem mais, talvez, que ambiciosas ou infundadas esperanças (...).

Continuar...
 


Pág. 1 de 5