Alexandre O’Neill [1924-1986] | Destaque do mês PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

capa


Alexandre Manuel Vahia de Castro O'Neill de Bulhões nasceu em Lisboa a 19 de dezembro de 1924. O seu pai, António Pereira de Eça O'Neill de Bulhões, era empregado bancário e sua mãe Maria da Glória Vahia de Castro O'Neill de Bulhões, doméstica.
Inicia os seus estudos em 1932. Em 1946 sai de casa dos pais devido a conflitos familiares e vai viver para casa do tio materno. Em 1948 surgem as primeiras manifestações públicas de interesse pelo fenómeno poético.
O'Neill, tal como a maioria dos artistas portugueses, não pôde viver da sua arte. Afirmava viver de versos e sobreviver da publicidade. Foi intérprete de uma generosa biografia do amor. Vasto foi o seu currículo, onde constam diversas colaborações para jornais, revistas, televisão, etc.
Faleceu a 21 de agosto de 1986, vítima de um acidente vascular cerebral, depois de ter passado vários anos doente.