Rede de Bibliotecas Escolares - Concelho da Guarda PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

alt

A Câmara Municipal da Guarda e a Rede de Bibliotecas Escolares do Ministério da Educação, criaram, através de Protocolos, seis bibliotecas em escolas do 1º Ciclo do concelho da Guarda, que reuniam os pressupostos para o efeito. De facto, a instalação destas bibliotecas contou, desde o seu início em 2001, com a colaboração deste Município, através da respectiva Biblioteca Municipal, com o apoio técnico na elaboração do projecto, nomeadamente na implantação de mobiliário e equipamento e na selecção e aquisição do fundo documental, sempre em articulação com as escolas/bibliotecas escolares.

As seis bibliotecas em funcionamento são: a Biblioteca Escolar Nuno de Montemor da EB1 da Guarda Gare, a Biblioteca Escolar Rui de Pina da EB1 das Lameirinhas, a Biblioteca Escolar Adriano Vasco Rodrigues da EB1 do Bonfim, a Biblioteca Escolar Virgílio Afonso da EB1 de Santa Zita, a Biblioteca Escolar Manuel António Pina da EB1 Adães Bermudes e a Biblioteca Escolar Augusto Gil da EB1 Augusto Gil. Estas funcionam em espaços planeados e equipados de acordo com as orientações do Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares, oferecendo, aos seus utilizadores, serviços de Requisição Domiciliária, Consulta Local, acesso à Internet, Meios Audiovisuais, Zona de Produção Gráfica e uma animação regular, elaborada pelas professoras responsáveis pelo seu funcionamento contando com a colaboração da Biblioteca Municipal da Guarda. É assim que se organizam actividades como a Hora do Conto, Encontros com Escritores, Sessões de Poesia, Pequenas Dramatizações, Contadores de Histórias, Ateliês, Comemorações de Efemérides, Exposições, Pequenas Conferências, Feiras do Livro ou mesmo a edição de um livro, pela Câmara Municipal da Guarda, em poesia e prosa, intitulado O Sonho Mora Aqui, inserida no Projecto Ao Ponto Acrescenta Um Conto! cujos autores foram os alunos dessas mesmas escolas. Estes espaços tornaram-se autênticos pólos vivos das respectivas escolas, baseando-se em práticas pedagógicas inovadoras centradas numa utilização transversal da biblioteca e contribuem para criar e manter, nas crianças, o hábito e o prazer da leitura, da aprendizagem e da utilização das bibliotecas ao longo da vida.