PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Antonio Fonseca

António Monteiro da Fonseca nasceu no lugar da Torre, freguesia de Casal de Cinza, concelho da Guarda.

Ingressou no Seminário Diocesano do Mondego, após os estudos primários na sua aldeia, mas não seguiu a carreira eclesiástica, em parte devido à Revolução Republicana de 5 de outubro de 1910.

Após a realização dos estudos secundários na Guarda, ingressou na Universidade de Coimbra, onde se licenciou em Filologia Românica.

Em Coimbra, foi discípulo de Eugénio de Castro, condiscípulo de Vitorino Nemésio, José Régio, Santana Dionísio e outros intelectuais, revelando-se como cantor ao "serviço da Academia, da cultura e da saudade". Nesta cidade foi companheiro e amigo do grande poeta José Régio.

Inspirado num grande humanismo e ideias filosóficas, escreveu influenciado pelo ambiente de Coimbra e da Guarda, mas também pelos "fenómenos envolventes dos anseios do Além".

Publicou obras poéticas, palestras, textos jornalísticos, um estudo sobre o sebastianismo e colaborou também em jornais com Ernesto Pereira e Ladislau Patrício.

Pedagogo exímio, fundou o Colégio Internato Académico da Guarda e colaborou na criação da Escola Industrial e Comercial da Guarda, lecionando as línguas francesa e portuguesa durante dezenas de anos e em diversas cidades do país, especialmente na Guarda (Liceu Nacional), Figueira da Foz e Coimbra.

Fez parte de um grupo de professores de uma geração marcante da Guarda.

 

 

Obras:

  • Sobre as ondas, 1922
  • Capas ao Vento: fado de Coimbra, [19--?]
  • Os pastorinhos Maria e José: romance em verso, [1926?]
  • Hino à Pátria: poemeto, 1928
  • A voz dos mundos para a grande epopeia das nações, 1945
  • O canto do sol-posto: poesia, 1948
  • Cantar de amigo: VIII congresso beirão, 1948
  • Homenagem ao poeta dr. João de Barros, 1952
  • Uma lição de História Pátria dedicada à Mocidade Portuguesa, 1958
  • Sobre o sebastianismo: um curioso documento do começo do século XVIII, 1959
  • A voz dos mundos: poema escrito no decorrer da última Grande Guerra – 1939-1945, 1960
  • Velhos temas do livro de Tristão da Saudade, 1961
  • Datas e factos: palestras escolares e temas vários, 1963
  • Novos temas do livro de Tristão da Saudade: 2º tomo, 1969
  • Saudação: poema escrito em homenagem aos antigos alunos da 1ª escola normal da Guarda 1896-1921, e lida pelo autor numa sessão solene, reunião saudosa desses velhos alunos, realizada no edificio da antiga Escola Normal, hoje Liceu desta cidade, em 31-8-1969, [196-?]
  • Confraternização dos antigos alunos do Liceu da Guarda: palavras ditas por A. Monteiro da Fonseca num almoço de fraternal convívio, 1971
  • Temas diversos do livro de Tristão da Saudade: 3º tomo, 1973
  • Álbum de retratos, 1974
  • Hino à paz, 1975
  • Frutos da última colheita, 1976
  • Jean Jacques Rousseau: o homem, o político, o educador e o romântico, 1978
  • Agenda espiritual: temas vários do livro de Tristão da Saudade: 4º Tomo, 1981

 


Fonte:

  • GOMES, Jesué Pinharanda , 1939 - Dicionário de escritores do Distrito da Guarda. Guarda : Jesué Pinharanda Gomes, 1969. 124, [1] p : il ; 24 cm.
  • ROMANA, José Manuel Trigo Mota da - Antologia de escritores da Guarda : século XII a XX. Guarda: Câmara Municipal da Guarda, 2003. 406 p ; 25 cm PT 201436/03 ISBN 972-8813-16-3