Jaime Alberto do Couto Ferreira (1944 – ) PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Jaime Ferreira

Nasceu em Famalicão da Serra, Guarda.
Ingressou na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra em 1965 mas interrompeu os estudos devido à Guerra Colonial. Após o seu regresso trabalhou na revista "Vértice" com Joaquim Namorado.
Licenciado em História, foi convidado pelo Prof. Joaquim Romero de Magalhães para a Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, onde desenvolveu a atividade docente e de investigação, sob a orientação e colaboração do Prof. Vitorino Magalhães Godinho.
Frequentou vários seminários e cursos de pós-graduação em diversas universidades.
Em 1979, foi-lhe atribuída uma bolsa de estudo pelo Instituto Nacional de Investigação Científica, que lhe permitiu estudar em França.
Em 1989, doutorou-se em Estruturas Sociais da Economia na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.
Desempenhou o cargo de pró-reitor na Universidade Internacional da Figueira da Foz.
A par da atividade académica, tem participado em diversas iniciativas de caráter cultural e cívico, das quais se destaca a colaboração nas revistas "Vértice" e "Instituto de Coimbra".
Foi co-diretor da Revista de História Económica e Social e fez parte da Comissão Executiva do Centro de Estudos Ibéricos.
Colaborou em vários jornais e revistas, nomeadamente no "República", "Diário de Coimbra" e "Terras da Beira".
Participou em numerosos colóquios e conferências, para além de exposições de artes plásticas.
Foi membro fundador da "Associação Portuguesa de História Económica e Social" e pertenceu ao conselho científico do "Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX - CEIS XX".
Foi coordenador do "Peace Programme-Palestinian European Academic Cooperation in Education."
A sua primeira obra de ficção, Hieracita, surgiu depois de se aposentar de professor catedrático e leva-nos numa viagem aos séculos XIX e XX, durante o boom da borracha do Brasil.
Professor, historiador, escritor e pintor, a sua vasta obra é um testemunho eloquente da resistência ao fascismo. As capas que desenhava para a Vértice, frequentemente censuradas, são a prova da sua tenacidade e rebeldia contra a ditadura que oprimiu Portugal.

 

Obras:

  • Questões de abastecimento de cereais e farinhas na abertura da contemporaneidade portuguesa
  • Joaquim Namorado: herói do Neo-realismo mágico
  • Farinhas, moinhos e moagens
  • A dessacralização do pão : políticas de abastecimento no Antigo Regime: do concelho ao Estado Iluminista
  • Origens do proteccionismo da cerealicultura em Portugal: de 1814 a 1820 hesitações e afirmação
  • A electrificação do centro de Portugal no século vinte
  • Famalicão da Serra : ou dizer história com mãos de Abril
  • Pangeia, Sala do Exame Privado. E a tacanhez de um tempo!
  • Hieracita
  • Alembranças
  • A Guarda formosa na primeira metade do século XX. Coord. Jaime Ferreira.

 

 


Fonte:

  • FERREIRA, José Alberto do Couto - A dessacralização do pão : políticas de abastecimento no Antigo Regime: do concelho ao Estado Iluminista. - 1ª ed. - Lisboa : Campo de Letras, 1995
  • FERREIRA, José Alberto do Couto - Hieracita. - 1ª ed. - Lisboa : Âncora, 2010.
  • FERREIRA, José Alberto do Couto - Farinhas, moinhos e moagens. - 1ª ed. - Lisboa : Âncora, 1999.